20/03/2019

Violação de patente vai custar R$ 118 milhões à Apple

O caso começou no início de 2017, quando a Qualcomm processou a Apple por violar três patentes detidas pela empresa, apontando que o iPhone 7, 7 Plus, 8, 8 Plus e X trazem a tecnologia
Um júri em San Diego, nos EUA, considerou a Apple como culpada de usar sem autorização patentes detidas pela fabricante de chips Qualcomm. Assim, foi considerado que a Apple deve pagar 31 milhões de dólares (cerca de R$ 118 milhões, na conversão atual e sem impostos) em danos causados à Qualcomm, o que equivale a 1,41 dólares por cada iPhone que viole estas patentes.

Em destaque