pesquisa

20/03/2016

A modelo Fernanda fala sobre beijo em novela: Eu tinha vontade de rir

Fernanda Motta brilha em sua estreia nas novelas Totalmente Demais



Depois de brilhar nas passarelas, apresentar reality show de moda e fazer reportagens no Domingão do Faustão, Fernanda Motta, de 35 anos, brilha em sua estreia nas novelas como a modelo Daniele, de Totalmente Demais. “Me convidaram para uma participação especial. Gravei dez capítulos. Mas, depois disso, minha personagem já reapareceu três vezes”, conta ela, que não descarta atuar em outras produções. “Tô dentro”, brinca, ao responder à repórter Giulianna Campos as perguntas dos leitores enviadas a QUEM. Casada com o empresário Roger Rodrigues, com quem tem Chloe, de 1 ano e 11 meses, ela ainda fala como a maternidade mudou sua vida e confessa não ter coragem de desfilar de lingerie.

Você trocou a carreira de modelo pela de atriz?
Eunice Meireles, por e-mail
Não troquei, meu povo! Quando você chega a uma fase da carreira na qual já fez muitas coisas, você reduz o ritmo de trabalho. Então, há uns sete anos, desde que apresentei o reality show Brazil’s Next Top Model, comecei a dividir meu tempo entre ser modelo e apresentadora. Agora, com a novela, divido o meu tempo entre ser modelo, apresentadora e atriz. Já avisei todo mundo: podem me chamar para fazer outra novela que eu vou (risos)!

Qual a parte mais fácil e qual a mais difícil de atuar?
Ayan, por e-mail
A mais difícil, no meu caso, é quando você, na vida real, trabalha no mesmo universo da personagem. É complicado não deixá-la parecida com a Fernanda. E a mais fácil é fazer carão nas cenas: já estou acostumada (risos).

Como é dar beijo técnico na novela?
Silvana Vieira, Santos (SP)
Foi um trabalho como qualquer outro. Era uma coisa técnica. Tinha muita gente em volta, luzes, um cara praticamente segurando nossos pés para a gente não se movimentar. Eu tinha vontade de rir.

Gostaria de desfilar para a Victoria’s Secret?
Daniel Duarte, Rio de Janeiro (RJ)
Fotografei para a Victoria’s Secret por oito anos, mas nunca gostei de desfilar de lingerie e biquíni. Não tenho coragem, morro de vergonha. Em 19 anos de carreira, nunca desfilei sem canga. Fica todo mundo olhando, não me sinto confortável.

O que acha da ditadura da magreza? Que conselhos daria para meninas que querem ser modelo?
Idair Arantes, São Paulo (SP)
Não concordo com nada que é excessivo. Obviamente, na moda, você tem um padrão a seguir, mas acho que modelo tem que ser saudável. Se a menina quer seguir carreira, ela tem que procurar uma agência séria. É preciso foco, determinação e disciplina. É uma profissão que trabalha com o ego das pessoas, é perigosa para quem não tem equilíbrio emocional. Você recebe críticas o tempo todo.

Qual seu segredo de beleza?
José Costa, por e-mail
Sempre fui adepta da prevenção, passo cremes...Pode ser o mais barato da farmácia. Evito pegar sol, não fumo, gosto de fazer radiofrequência tripolar no rosto. Costumo variar os produtos para a pele não acostumar. De resto, é a genética.

Você já fez procedimentos estéticos ou cirúrgicos?
Camila Assis, Campinas (SP)
Nunca, mas se precisar, eu faria – com moderação, claro. Não quero me transformar em outra pessoa. Mas sei que chega uma hora em que, para você estar muito bem, tem que fazer uma coisinha.

O que a maternidade mudou na sua vida? Que tipo de mãe você é?
Manu Freitas, Americana (SP)
Eu sou uma mãe firme, tento educar minha filha desde cedo. Mas, ao mesmo tempo, brinco muito, converso, estimulo. Hoje sou uma pessoa melhor. Penso mil vezes antes de fazer alguma coisa. Sou menos maluca, mais centrada. Ainda não bateu o sininho, mas provavelmente terei mais um filho.

Como recuperou a forma depois da gravidez?
Gabriela Jorente, Búzios (RJ)
Engordei 11 quilos e um mês depois tinha perdido 12. Amamentei só por 15 dias, não tive leite. Fiz de tudo para estimular a produção, mas a minha família já tem esse histórico. Fiz hidroginástica durante minha gravidez inteira. E aconteceu algo muito favorável: eu não tinha desejos de grávida. Houve dias até nos quais eu perdia o apetite.

Seu marido é bonitão e é dono de casas noturnas. Você não tem ciúmes?
Laís Fonseca, Goiânia (GO)
Não. Sou muito segura. São 15 anos de casados, temos uma cumplicidade, uma parceria para a vida toda. Por causa das viagens, o nosso casamento sempre foi comigo para um lado e ele para o outro. A distância é fundamental. Acho que por causa disso estamos juntos há tanto tempo: cada um tem seu espaço e quando estamos perto curtimos o nosso momento.









Fonte: Quem  Fotos: Divulgação

Promoções imperdíveis!

Produtos em destaque no site

Veja nossas sugestões de produtos